O velho novo Fusquinha

Nos últimos meses a VW do Brasil têm investido na campamanha do novo Fusca. O carro que foi um mito popular e que depois da primeira reestirização teve seu nome renegado no Brasil. Agora deixa de ser New Bettle e volta a ser Fusca. Mas por que?

 Melhor assistir dois anúncios da nova campanha:

Um fenômeno pós moderno que têm acontecido não só com o fusquinha, mas com outras relíquias é usar dessas coisas como estilo de vida. Sabe aquele cara que ouve vitrola, fuma cigarro de corda e anda de caloi 10 anos 80? As coisas antigas estão ganhando um valor agregado muito grande.

Depois de dizer isso eu espero que você não estranhe ver uma revista dessas na banca de jornais:

Image

“O homem que tem o Fusca é diferente, tem outro estilo de vida. Compratilha de um clube para poucos.”

Mesmo com um valor que beira os 100 mil reias, longe de ser o popular da família, é ótimo carregar consigo o nome Fusca e tudo que ele remete. É a hora de quem sempre quis um fusca e nunca teve coragem ter um. O lado bom do fusca; sem freio a tambom, motor 1600 e volante duro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s